Xylella fastidiosa pode infetar a planta do mirtilo

O que é, como prevenir? Em Janeiro de 2019 a presença, em Portugal, desta bactéria, foi oficialmente declarada, tendo sido confirmados, até ao momento 13 focos. (Para já a região tampão concentra-se no concelho de Gaia). Trata-se de uma bactéria que vive no xilema das plantas (vasos condutores da “seiva bruta”). São conhecidas cerca de 300 plantas que podem ser afetadas, entre as quais diversas espécies cultivadas, de grande interesse económico - Mirtilo, videira, oliveira, Read more [...]

Portugal pode ser o maior produtor mundial de medronho

Os avanços da investigação científica do medronho podem projetar Portugal como o maior produtor mundial deste fruto silvestre nos próximos anos, disse esta quinta-feira o presidente da Cooperativa Portuguesa do Medronho (CPM). A investigação nesta área produzida na última década em diferentes instituições do ensino superior, de norte a sul do país, “é que faz a diferença”, adiantou à agência Lusa Carlos Fonseca, professor da Universidade de Aveiro. “Portugal pode tornar-se Read more [...]

Importância da polinização cruzada em mirtilos

Geralmente a floração do mirtilo prolonga-se, dependendo das variedades e locais, entre 2-3 semanas. A forma da flor e a sua posição invertida não proporcionam boas condições para que se realize a polinização através do vento, dita anemófila.
Por outro lado, verifica-se que existe uma frequente auto-incompatibilidade do pólen das flores, isto é, nem sempre o pólen consegue fecundar as flores da mesma planta ou da mesma variedade mesmo que de plantas diferentes.
Apesar de raramente não Read more [...]

Recomendações DRAP para controlo da Drosófila de Asa Manchada (Drosophyla suzukii)

A partir do momento em que há nos pomares frutos (cerejas, framboesas, mirtilos…) em início de maturação, a drosófila manifesta preferência pelos frutos e não procura as armadilhas. Por isso, a *colocação das armadilhas apenas na época de maturação-colheita ou até um pouco antes tem reduzida eficácia*. Assim, recomenda-se a manutenção das armadilhas nos pomares, em bom funcionamento, de forma a capturar o maior número possível de drosófilas, mantendo as populações desta praga Read more [...]

UMA NOVA AMEAÇA PARA OS PEQUENOS FRUTOS: Drosophila suzukii (Matsumura, 1931), ou drosófila de asa manchada (SWD)

Origem e distribuição geográfica Esta espécie é originária do Japão, onde também é conhecida por mosca da cereja, devido aos estragos que provoca neste fruto. Fora da Ásia, foi detetada pela primeira vez no Hawai em 1980, tendo surgido recentemente e quase ao mesmo tempo na América do Norte (2008), estando em 2010 presente em 27 estados, e na Europa (2009). Atualmente, já está presente em Espanha (2008), França (2008), Itália (2009), Suíça (2011), Eslovénia (2011) e Portugal Read more [...]